15 setembro 2003

[Inserir título imbecil]

Título nacional de filme estrangeiro é caso de internação nas Clínicas Dr Plausível.

Ontem fiquei olhando tv -- e pra quem disser q o "certo" é "assistir" ou "ver" tv ou qqer outra variante em voga entre os dogmáticos profissionais, digo q o q eu fiz ontem foi "olhar" tv e estatele-se quem não entender a distinção. Digo pois q estava olhando tv, qdo um filme q apenas começara me chamou um pouco mais a atenção e então passei a assisti-lo. Era uma comédia romântica com um cara q tem um tumor no cérebro, hhhh é traído pela mulher, decide viajar pra fazer uma operação, é roubado por uma bela malandra pfff q tem um casal de filhos ilegítimos e q deve uma grana a um mafioso, gngnhhhpff faz amizade com os filhos dela, é perseguido pelos mafiosos, sempre se safa na base do papo e da sorte e, hhhuhuhh é claro, conquista a malandra e os filhos. Final feliz. brpfgñgp Nada q comprometa ninguém, à parte dumas escorregadas na legendagem.

Muito bem. ¿E daí? Daí q no Brasil gng o filme foi chamado de... "Vítima da sedução" QUÁ-QUÁ-QUÁ-HH-HAHHA-nhããããã. ¡VÍTIMA DA SEDUÇÃO! ¿Sabe aquelas gargalhadas q sobem lá do intestino grosso? Pois foram essas.

O título original era "Beautiful Joe", sendo "Joe" o nome do tumorado e "Beautiful Joe" o apelido dum matador profissional com quem o Joe é confundido. Mas alguém da reprodutora brasileira achou por bem chamar o filme de "Vítima da sedução".

¡Vítima da sedução! Não tem absolutamente nada a ver com o filme. ¿De onde é q esse pessoal tira essas coisas, meu santo? É como chamar "A bela adormecida" de "Corrupção Fatal". Nada a ver. Mas ¿por quê, minha santa, por quê? ¿Q tipo de raciocínio torto está por trás desses títulos pseudo-interessantes? ¿Será pra atrair público? ¿Jura? Há quem diga q se trata de encontrar "o título q mais reflete o potencial de mercado do filme, não necessariamente aquele q reflete o enredo". Mas ¿pra quê toda essa dramaticidade, esse pega-pra-capar no mercado brasileiro, q nem é tão competitivo q justifique tanta emoção a priori nos títulos? Pois acho esse raciocínio da mesma inteligência tosca de quem implica com coisas como "olhar tv", ¿ora pois não?

Deve existir na internet algum site com um 'gerador de títulos' brasileiros. É só achar várias combinações usando palavras como sedução, fatal, corrupção, crime, grito, rebelde &c ¿Alguém aí conhece?

Vítima da sedução... ¡Cacilda!

(Só falta chegar outro imbecil e dizer, "¡Não tem nada a ver mas vc não esqueceu!" Dãã...)

Um comentário:

Nianderthal disse...

Seu Dotô Plausível,

Acho que sem quere vc desvendou o processo de criação de títulos em português para filmes.

A metodologia consiste em unir duas ou três palavras da lista de meia dúzia de palavras consideradas interessantes, como: desafio, sedução, fatal, traição, vítima, desejo etc. numa determinada combinação que ainda não tenha sido utilizada. Por exemplo, vc pode nomear um filme de "vítimas da traição", tudo bem. Mas não "vítimas da sedução", que já foi utilizado, como também: "vítimas do desejo", "traídos pelo desejo", "perseguição mortal" e "desafio final".

Postar um comentário

consulte o doutor