06 fevereiro 2010

Haiti dor, seu doutor*

*Essa doeu, hem?

Tem umas coisas de q nosso eréctil doutor tem até vergonha de gargalhar; mas qdo gargalhar faz-se mister, gargalha.

Foi assim qdo soube em primeira mão q nalgumas igrejas evangélicas...

(êi, peraí, ¿por que isso agora de espezinhar os evangélicos? falta de assunto?
Calma lá, cara-pálida; tem pra todo mundo.)

Como ia dizendo, qdo ele soube em primeira mão q nalgumas igrejas evangélicas do Brasil tinha pastor dizendo bem-feito pro povo do Haiti, q agora tava colhendo um fruto amargo por ter feito uma pacto com o demônio ãã...
hahaha
lá por volta de 1800, pra q ele ãã...
hahaha
expulsasse os franceses e... e...

HAHAHAHAHAHAHA

(Ô, meu, manera no gargalho aê. Pelo efeito borboleta, daqui a pouco tem outro terremoto lá.)

¡Olha...! O hipoplausivírus tá fazendo a festa no cérebro dessa gente, viu, vou tí contar.

Pastor em igreja evangélica **brasileira** dizendo uma coisa dessas certamente tá repetindo o q ouviu algum euaense falar. Procura-q-procura, e acha-se: Pat Robertson, pastor batista caquético biliardário. No dia seguinte ao terremoto, disse q com certeza 100 mil pessoas haviam morrido lá pq 200 anos atrás a independência do Haiti (o levante de escravos haitianos contra o jugo francês) só aconteceu pq teve uma ajudinha de Satanás – q veio agora cobrar a dívida.

HAHAHAHAHAHAHA

Pat Robertson é o mesmo tronho q em 1994, fingindo enviar ajuda durante o genocídio em Ruanda, usou seus aviões pra enviar equipamento a suas minas de diamantes na Libéria. O cara tem o MAIOR respeito pelos negros... No fundo, o q ele disse, e o q o pastor brasileiro repetiu, é q o terremoto aconteceu por culpa dos próprios haitianos. Ou seja, um abalo sísmico periódico COMPLETAMENTE natural provindo das profundezas da Terra é não só causado por humanos, mas
humanos de 200 anos atrás. Isso é q é poder, hem? E mais: o tsunami na Indonésia, o maremoto em Nova Orleans e o terremoto no Haiti, são indícios do final dos tempos, e Jesus tá flagelando os centros de paganismo e iniqüidade pra avisar os últimos incrédulos antes q seja tarde demais. ¿Por que outro motivo essas catástrofes coincidiriam com a época de Natal?

Mas peraí. ¿Não era Satanás?

HAHAHAHAHAHAHA

¿Que será q um hipoplausibilético desse tamanho faria com a informação de q TODO DIA acontecem uns 30 terremotos neste planeta?

Veja o registro dos últimos sete dias, atualizado diariamente.

¿Ou com a hipótese de q mais catástrofes acontecem perto do Natal pq em janeiro a Terra tá não só mais próxima ao Sol como tá se movendo mais rápido no espaço?

Ou ¿que será q essa besta faria com a interpretação de q esses flagelos naturais matam tantos pobres e não-cristãos pq os cristãos ricos reservaram pra si os lugares mais estáveis do planeta? (Oquei, exagerei, mas vcs entenderam.)

E aí, uma bestinha daqui (e certamente muitas outras em outros países) papagueia e macaqueia a besta de lá, e ficam os dois se achando grandes reveladores de verdades secretas.

Só q um é mais besta q o outro, não?

8 comentários:

Permafrost disse...

E, diga-se de passagem, a Libéria é um país africano **criado** pelos Euá no século XIX pra realojar escravos emancipados q quisessem voltar à Mãe áfrica. Os descendentes desses ex-escravos se tornaram a elite governante do país, q sempre manteve estreitos laços com os governos euaenses, particularmente os republicanos. Então, não é mera coincidência q o Robertson – ex-candidato à presidência nas primárias do partido republicano – tenha minas de diamante na Libéria, onde mormente trabalham, claro, negros q nunca verão o cintilar do q cavam. E tampouco é coincidência q ele tenha tão pouco apreço por uma revolução de escravos bem sucedida. Agora pergunto, ¿não é um total nada-a-ver q um pastor brasileiro papagueie os desatinos racistas dum republicano euaense? Diga a verdade, ¿não é caso de internação?

Eduardo disse...

Bom texto, dr., mas eu gostaria de falar sobre outro assunto.

No momento estou sem dinheiro, o senhor atende pelo SUS? é que acabo de descobrir que os EUA não consideram o brasil um país ocidental. Somos, por acaso, tão miseráveis que viramos chineses, agora? Eu não consigo aceitar isso. Diga, doutor, quem sofre de hipoplausibilose, eu ou o país mais poderoso do mundo?

Permafrost disse...

Eduardo,
Segundo o doutor, vc na verdade acaba de curar um abscesso hipoplausivirótico na região CPB-32K no córtex medial. Essa sensação de desconforto irado, de se ver flutuando num mundo aparentemente sem sentido, é um dos sintomas da cura mais relatados. Logo passa. O hipoplausivírus tenta simplificar tudo, e a cura complexifica as coisas. A definição de 'ocidente' deles coincide bastante com a de 'primeiro mundo'; no Brasil, a definição é mais geográfica. Vc pode continuar incluindo o Brasil no ocidente e os Euá podem continuar não incluindo, assim como pra vc eles são filhos da puta e pra eles eles são filhos duma cadela. é só uma questão de nomenclatura.

Note a vantagem: agora vc vai poder saber bastante sobre um jornalista brasileiro se verificar o sentido q ELE dá a 'ocidente', detalhe q antes te passava despercebido.

Eduardo disse...

Sinceramente, chega a ser engraçado como eles tentam, de qualquer maneira, separar o Primeiro Mundo dos bárbaros incivilizados. Eu gostaria de poder lhes dizer que não precisava tanto. Tudo bem, eu aceito não ser branco (segundo os critérios deles, que excluem a Gisele Bündchen) e rico, só não precisava tentar nos alienar da nossa própra cultura.

Uma vez, fui verificar, por curiosidade, um site infantil sobre o qual li na revista época. Fi-lo porque a primeira língua além do inglês para o qual ele foi traduzido foi o português. Na área da loja virtual -- só dono de moinho vive de brisa -- eles faziam o usuário se definir de acordo com a sua posição geográfica. Havia duas opções: 1) Estados Unidos, Canadá, Europa e Japão; 2) Resto do Mundo. Sério.

é para a criança aprender desde cedo seu lugar no mundo. E veja que, na época, o site só estava escrito em inglês e português. Por acaso eles contavam tanto assim com os acessos das crianças portuguesas? De um país com o mesmo número de habitantes da cidade de São Paulo? Tudo bem que tivessem mais condições de entregar produtos no mundo civilizado, longe de macacos, guerrilheiros e outros contratempos que dificultam o comércio, mas precisavam ser tão explícitos?

O site em questão é o Club Penguin, hoje traduzido também para francês e espanhol. O defeito já foi devidamente solucionado, ainda bem.

E eu, já parei de ler essas revistas.

Eduardo disse...

Desculpe por não ter comentado sobre o assunto do post, mas é que esses evangélicos não me impressionam mais.

O fato é que o Iluminismo, se não me engano, desvendou o segredo da Igreja para ter tanto poder sobre as pessoas, o Diabo. O problema é que como todo povo é burro, ninguém deu atenção e ficou por isso mesmo. Algumas pessoas inescrupulosas ouviram o discurso dos filósofos e pensaram "que inteligente, será que eu posso usar isso ao meu favor? também quero dinheiro e poder". E deu nisso que presenciamos.

Um dia, o povo, cansado do modo canhestro como esses pastores tentam manipular sua "fé", vai pensar (!): "peraí, uma hora eu acho que tenho de pensar por mim mesmo. Eu não posso seguir tudo o que qualquer louco desses louco diz". Aí, sim!

Permafrost disse...

Eduardo,
Tbm tive essa sensação de "¿como ousa?" com os euaenses. Aliás, é justamente por esse tipo de coisa q os chamo de 'euaenses' (qdo antes usava o horrível 'estadunidenses'). Pq pô, né? Acho até q, qdo os Zoropeus incluem os Euá no termo "ocidental", tão fazendo uma concessão, na certa pensando, "Ah tá, vcs fazem uma imitação passável. Aquele pessoal lá pro sul tá mais pruma paródia." Mas vc pode crer q eles preferam a paródia sincera à imitação truculenta.

Sobre o povo q um dia vai cansar dos pastores manipulando sua fé, hm, ¿vc tem uma cadeira confortável pra esperar sentado? :•)

Eduardo disse...

"¿vc tem uma cadeira confortável pra esperar sentado? :•)"

É... Pelo jeito, é melhor arrumar uma cama.

Somali disse...

"1) Estados Unidos, Canadá, Europa e Japão; 2) Resto do Mundo."

Eduardo se apoquentou sem necessidade. Nós estamos no resto do mundo. A latrina do planetinha Terra é, com certeza, por aqui. Se assim não fosse, um merda como eu estaria no lugar errado. Bom, já postei 3 vezes, tá na hora de fumar um beque.
Abraços.

Postar um comentário

consulte o doutor