04 fevereiro 2006

O cartum humano

Não é à toa q nosso escolado doutor é agnóstico radical. Primeiro, porque os agnósticos radicais gargalham muito mais q os ateus. Segundo, porque seguir uma religião qqer seria quase equivalente a ter um atestado de esquizóia, um baita dum calo em cada pé e uma carteirinha de pugilista aleatório – ou seja, coisas de pessoa q, pra se defender contra ferimentos imaginários, sai repartindo porrada: nas clínicas Dr Plausível, esse tipo é alojado na ala dos "Contumazes".

Cada época tem sua religião pentelha. Já tivemos os faraócios, os cri-cris, estamos quase saindo dos jujubas, e agora, no começo deste século, sobrou pros muças. Esses implicam até com senso de humor. Alguém tem q pedir a eles q por favor façam uma listinha de tudo q não se pode fazer no resto do mundo, do mesmo jeito q em outras épocas teriam sido bem-vindas outras listinhas – dos cristãos e, até recentemente, dos judeus (¡ó não! ¿ainda não pode isso?).

Talvez ajudasse se alguém levasse os muças a um cantinho e lhes fizesse umas perguntinhas, só pra evitar mal-entendidos. Tipo:

¿Posso entrar de calção em bar de esfiha?
¿Posso usar algarismos arábicos pros versículos do Torá?
¿Posso perguntar se Maomé tinha meleca?
¿Posso cantarolar "Alá, meu bom Alá" em ônibus vazio indo prà Bahia?
¿Posso fazer trocadilho com Mao-Mé-Tung em jornal de Cuiabá?
¿Posso trocar uma letra em meu bidê Deca?

Por favor, diz aí, quebra esse galho.

Pois o amusement do doutor é bem compreensível. Tudo bem q uma religião condene aos infernos um seguidor q pisa na bola. Mas ¡¿condenar um não muçulmano por fazer algo q um muçulmano não pode?!

¡¡¿¿UÉÉÉÉÉÉÉ??!!

7 comentários:

Cuidado disse...

Cara, limite-se a pisar em terreno que sua pretensa inteligência conhece. Fazer gracinha com assuntos idiotas deste mundo estúpido é uma coisa até bacaninha. Mas não avance o sinal, garoto. E se outro hacker muçulmano não quiser ser tão indulgente quanto eu? Vai sobrar prá você, não é? Fique sabendo que da mesma forma que seu blog veio ao acaso para mim, pode vir ou não ao acaso para outros um pouco mais zangados. Na sua região fica só um tiquinho mais difícil localizar o endereço, devido a quantidade de conexões, mas um bom motivo consegue tudo.
Em nome de DEUS, o Clemente, o Misericordioso.

Permafrost disse...

Ai q medo. ¿Quer dizer q a listinha teria um ítem dizendo q um não-muçulmano não pode fazer perguntas?

HAHAHAHAHAHAHAHAHA

M4rcoS disse...

Ai que mêda!!

Rafael Kasper disse...

Doutor, colo a réplica que postei no LLL:

Permafrost,

Sinta-se à vontade para negar o holocausto na tua roda de amigos, no almoço domincal, nos teus posts pseudônimos. Mas se tu publicar e assinar a tua negação em livretos como o 'Acabou o gás' ou 'Holocausto - judeu ou alemão', pérolas da editora revisão, poderá ser processado e possivelmente será condenado.

até porque não existe outra motivação que não o anti-semitismo na negação do holocausto. anti-semitismo é racismo. e racismo, no Brasil, é crime inafiançável.

Cuidado disse...

É, garoto, parece que vc. não entendeu, não é?
O problema não é opinar. O problema é satirizar, desdenhar orgulhosamente de coisas que nem conhece a fundo, como inclusive já confessou.
O maior problema, porém, é não ter a mínima idéia de quanto um crente sente-se humilhado e ofendido quando zombam do que mais amam.
Saiba que já lhe rastreei, mas lhe dou uma chance de retratação, Sr. PSZA. Como arquiteto, deve gostar de números. Seu tel, por redução é 2 (2+9=11. 1+1=2).
Em nome de DEUS, o Clemente, o Misericordioso.

Permafrost disse...

Ai q mêda. Mas aqui vai uma resposta séria. Eu sei q vc está aí dando umas risadas (¿Por que inverteria duas letras do meu sobrenome, trocaria uma, ou erraria a soma dos algarismos do meu teléfono?), mas reconheço no background sua genuína preocupação pelo meu bem-estar.

Mas suponhemo q fosse sério. ¿Vc acha mesmo q tirar um sarrinho de algumas inconsistências religiosas é "desdenhar orgulhosamente", mais do q as próprias religiões, através de seus crentes, diária e metodicamente, desdenham orgulhosamente, ofendem e insultam, e às vezes perseguem, torturam, humilham, maltratam e exterminam aqueles q não "amam" o mesmo deus "clemente" e "misericordioso"? Já ouvi um espírita, com um ar de superioridade passive-aggressive, afetar, na minha cara, uma comiseração pseudo-bem-humorada por meu agnosticismo, dizendo algo como "um dia vc aprende", como se ele realmente soubesse sobre o mundo mais do q qqer outra pessoa.

E ¿q tal essa religiosidade popularesca q aparece a toda hora na televisão, no rádio, nas revistas, nos jornais, em conversas informais, em q o falante não só supõe-se dono de uma verdade q todos deveriam compartilhar, como está inconsciente da ofensa e do insulto em relegar ao inferno eterno as pessoas q simplesmente não compartilham de seus preconceitos?

E ¿q tal aquele insulto mesquinho e egoísta qdo um parente de um crente se salva em um acidente q mata outras 50 pessoas, e o crente atribui essa sorte à sua fé em Deus? ¿E os outros 50? ¿Morreram porque não tinham o favoritismo de seu criador, e assim provavelmente foram direto pro inferno?

É uma ofensa atrás da outra perseguindo os agnósticos e os ateus. Desde uma católico inocentemente chamando um ateu de "tadinho" até um muçulmano jogando ácido no rosto de um agnóstico. ¿E eu? ¿Não posso tirar um sarrinho, q já me vem alguém com ameaças veladas?

Na verdade, isso tudo não é pra vc, q imagino ter boas intenções. É pralguém mais afoitinho, q realmente pensaria aquilo q vc brincou.

benhê disse...

Perguntas incomodas:

Benhê
rastrear o povo na Internet indo além de dados públicos como IP, sites visitados e etc... não é crime de stalking???
Benhê
stalking num pode dar cadeia?
Benhê
se um cara é realmente smart prá cacete num tem jeitos melhores dele ridicularizar o Dr. Cúzível num nível intelectual ao invés de ficar fazendo ameaças?
Benhê
se você tá certo e o Doutorzinho Cúzível está errado, ele já não vai arder no Inferno?
Benhê
então porque você teria de tirar satisfações agora se um poder mais alto já traçou o destino do Cúzivel?
Benhê
ce não tem trabalho mais útil para fazer pela humanidade não, como por exemplo educar alguns naquela religião que você escolheu mais do que ficar caçando as ovelhas que se desgararam do rebanho?

Benhe
segue tua vida e deixa os outros seguirem as deles...

Namasteh - O Deus que habita em mim, sauda o Deus que habita em você...

Postar um comentário

consulte o doutor