15 setembro 2005

A esperança como negócio (3)... Premeditando o cheque

¡Baita gargalhada!
¡¡¡¡HAR-HAR-HAR-HAR-HAR-HAR-HAR-HAR!!!!...

¿Viram só a final do festival de música da tv curtura?

¡¡¡¡BLARG-BLARG-BLARG-BLARG-BLARG!!!!...

¡O ganhador é filho do apresentador!...
¡Q coisa feia...! Parece festival em cidadezinha do interior...

¡¡¡¡BRUHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHcófcófââââ!!!!...

A música vencedora tem até vários méritos, e a consagração pode ter até rolado na maior honestidade. Mas – nosso espontâneo Dr Plausível sempre ensina – é possível agir honestamente e ao mesmo tempo sem ética nenhuma. O engraçado nem é a marmelada goiabenta de chuchu q foi essa final, e sim o fato de q tanto o paizão curuja qto os outros quatro apresentadores simplesmente se es-que-ce-ram de mencionar essa, digamos, importante informação nepo-genética na biografia do contemplado. Aliás, na final, o genitor esteve estranhamente ausente da telinha...

Pois é. wandi doratiotto, fundador do Premê, bastião da tv curtura e apresentador do festival, é pai de danilo moraes, ganhador do festival, cujo prêmio totaliza 200 mil reais. ¡Vá ser real assim lá no Brasil, sô!

¡Sonoras gargalhadas!

¡¡¡BLASTOFAPAPALABARATAQUAPATAPA!!!...

E o rapaz não só é filho do apresentador, como já trabalhou prà tv curtura. Além disso, sua música também ganhou o prêmio de "melhor arranjo", feito por um cara ('ironicamente' escolhido por sabe-se-lá-quem da própria tv curtura), q é amigo e colaborador do dito cujo apresentador.

¡Junto com o Mensalão, agora temos o Festivalão! ¡CPI já!

¡¡¡BRABRABRABRABRABRABRABRABRAcófcófpffffhhh!!!...

¡Vai lucrar assim com a esperança alheia lá no Brasil, sô!

6 comentários:

Pracimademoá disse...

Pô, bitchô. Que sacanagem.

smart shade of blue disse...

Nepotismo musical.

Permafrost disse...

¿Cês vê só?

Motta disse...

Legal é tocar bem. Se ganhou e só fez barulho, qual a graça? Um guitarrista, pelo amor de Deus! Mas existem outros bons instrumentistas.

Permafrost disse...

Ih, Motta, tá maus aê?

Poronga Doblada disse...

sóoo, quesquecê mon amí,
iinfelizmente a TV e Rádio Cultura já eram.
Y vos, andá, tomate un mate y no me rompas las pelotas, botija sabandija chabón

Postar um comentário

consulte o doutor