15 janeiro 2004

Pague-se o pagão

Os canais religiosos de tv são muito vulneráveis a epidemias de hipoplausibilose. Têm tantos problemas q nenhum plano de saúde saudável se arriscaria a segurá-los. E muito embora seu emotivo coração se apiade diariamente, o Dr Plausível nem se mete. Os programas passam e o doutor nem ladra.

Mas pelamãedoguarda!, alguém tem q encaminhar o dj da igreja Universal até um cantinho escuro e dar-lhe um belo piripapo no pé do ouvido. Pois nesse canal, nem bem um pastor termina de exorcisar um demônio, dar graças a Deus e conclamar os devotos a louvar Jesus, lá vem o dj e tasca "o fortuna" do Carmina Burana na vitrola. HAHAHAHA que ridículo...

¡Parece até q esse pessoal não lê jornal! Pois ¿como é q um programa q se diz religioso não dá uma pesquisadinha no q diz a letra do fundo musical? Êêê, dj! Acorda! O CB é todinho composto encima de poemas profanos, odes em louvor ao jogo, à gula e à bebida, referências a rituais pagãos, esse tipo de coisa. Na certa, o cara ouviu aquele coral todo e achou divino, qdo na verdade a mensagem da letra é algo como "a sorte e o azar regem esta vida detestável, aguçando a pobreza e dissolvendo o poder". Pois então. ¿De q adianta rezar, se a própria trilha sonora diz q não adianta nada? HAHAHAHAHA cada coisa...

Digam se eu não tenho razão: ¿o Dr Plausível não deveria receber um alto salário?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

consulte o doutor