24 setembro 2003

Sua cabeça animal

Vira e mexe vem um enTVistado qqer com a cachola entupida de pseudo-fatos regurgitar a pseudo-informação de q os humanos não estamos fazendo jus a nosso destino pois só usamos 10% da capacidade do cérebro, e o enTVistado fala com aquela entonação de "¿Tá vendo?". Ou seja, num tom absurdamente sem sentido, dá um dado completamente inútil promovendo uma interpretação totalmente errada.

Aí, no caderno Mais vem mais um neurocientista corretamente atacar essa idéia, mas pelos motivos errados, falando de 'custo energético' e fazendo piadinhas pseudo-politizadas. Ou seja, o cara refutou uma idéia idiota com um argumento deficiente.

Qdo ouve esse 'dado' e suas refutações, o Dr Plausível pensa "¿Será q ninguém usa o cérebro neste mundo?", e faz questão de realmente usar apenas 1% de seu mediano cérebro pra raciocinar e demonstrar a total implausibilidade dessa crença. ¡Vc tbm pode! Me diga aí, quem está lendo isto agora, VOCÊ aí, neste exato momento ¿qtos quilos vc está carregando com os braços? ¿qdo foi a última vez q vc carregou 10kg? ¿e 5kg? Eu posso dizer por mim: neste exato momento estou carregando um total de 0kg e a última vez q carreguei 10kg foi... foi... ãã... ¡cacilda, não lembro! Mas, se precisar, posso carregar uns 50kg durante alguns minutos; numa emergência, posso carregar até uns 100kg ou mais durante alguns segundos, como já tive q fazer. E consigo, e vc tbm consegue, pq o corpo todo é super-dimensionado, inclusive o cérebro. E ¡só poderia ser assim! A capacidade total só é usada em emergências, e nenhuma vida é uma seqüência ininterrupta de emergências. Mas emergências, e todo organismo sub-dimensionado se estrepa.

Da primeira vez em q o Dr Plausível ouviu q a maior parte do tempo usamos 'apenas' 10% do cérebro, exclamou "¡¿Tudo isso?!" e caiu na gargalhada. Pois pense bem: ¡Usar 30% do cérebro 'a maior parte do tempo' é receita certa de esquizofrenia! Use 60% durante algumas horas e vc já vai estar com um pé na cova. Só se usa 100% por alguns milésimos de segundo qdo se está, por exemplo, prestes a ser atropelado por uma jamanta desembestada; daí é q vêm os relatos de pessoas q vêem 'a vida passar diante dos olhos': claro, o cérebro procura em sua experiência uma saída rápida pra um perigo iminente. No restante da vida, uns 2% já bastam pra ser feliz, próspero, saudável e ganhar no xadrez.

Da próxima vez q alguém soltar esse peido cerebral, vc já pode cantarolar "¡Doutor PlausÍÍÍÍvééél!"

2 comentários:

Belly disse...

Passando correndo, sem tempo para ler adequadamente, parei só para dizer que "peido cerebral" é expressão que tem meu eterno carinho e gratidão.

Bravo!
Beijos. Hasta luego. Volveré para ler con debido aprumo y tiempo.

Permafrost disse...

¿Cê vê só? Muita gente consideraria "peido cerebral" um peido cerebral...

Postar um comentário

consulte o doutor